Como surgiu o câncer?

Quando falamos em câncer estamos falando de diferentes tipos de doenças que decorrem do crescimento desordenado das células. Esta divisão acelerada das células dá origem à tumores e podem se espalhar por diferentes regiões do corpo.

 

Mas e de onde vem o câncer? Como surgiu essa doença?

 

Cientistas da Universidade de Adelaide, na Austrália, levantaram uma hipótese ao analisar o código genético de 759 espécies. O achado diz que há 150 milhões de anos um tipo de sequência genética chamado LINE1 entrou no genoma dos mamíferos. Esta sequência genética corresponde hoje à 17% do nosso DNA. Ele é responsável por provocar mutações que nos levaram à evolução, mas também provoca erros genéticos que dão origem ao aparecimento de tumores. 

 

O interessante é que segundo esta hipótese o DNA correspondente teria chegado até nós sem passar pelo processo clássico da seleção natural, mas teria procedência em uma espécie extinta de planta e teria sido escolhido em nossa linhagem genética por algum inseto ou vírus.

 

Este estudo não é conclusivo. Há ainda outras teorias acerca do assunto, que relacionam o surgimento com os metazoários, forma de vida existente há 1 bilhão de anos, dos quais evoluímos. Outra teoria de um eminente e controverso virologista, da Universidade da Califórnia em Berkeley, Peter Duesberg, propõe que a transformação da célula normal em célula cancerosa é desencadeada não por mutações genéticas, mas por uma instabilidade em seus cromossomos, tão extensa que leva à formação do que o cientista chama de “nova espécie” celular.

 

No entanto, o ponto de vista predominante foi defendido por Robert Weinberg e Douglas Hanahan, o primeiro do MIT Massachusetts Institute of Technology, o segundo da Universidade da Califórnia, em um artigo de revisão publicado pela revista Cell: o desenvolvimento de um tumor, explica o texto, é um processo “formalmente análogo à evolução darwiniana”. 

 

A ciência segue estudando e pesquisando esta informação. Afinal, ao sabermos a origem do câncer quem sabe também estaremos mais próximos da resposta para a cura.

× Como posso te ajudar?